sandra aka margarete ~ acknowledgeyourself@gmail.com


Assim dói-me a pele.
Sinto os estalos todos
a estriar nas idades que tive.

É no corpo, dói-me a pele
do corpo atrás.
Não consigo contemplar uma ferida.
O ar passa com o tempo e encrespa-me.

Temo.
Se uma criatura me tocar, brotará algo?


















ilustração de Cláudia Santos Silva aka blue :)

8 comentários:

Carlos Sequeira disse...

Que subtileza no Sentir.

maria disse...

(pastilha de eucalipto :)

menina limão disse...

continua muito bonito :)

e gostei muito do poema, assim como da ilustração, que já conhecia.

Scarlata disse...

Imagens e palavras de quem se gosta, olha que bonito!

:) Hi Maggie

blue disse...

:)

margarete disse...

obrigada, beijos!

JPN disse...

muito, muito bonito.

margarete disse...

:)