sandra aka margarete ~ acknowledgeyourself@gmail.com

a falta de um poema [ lacuna na maturação ]

# um dia destes, um dia, procuro um psi,
quando me perguntar
“Então, e ao que vem?”
respondo

“Por favor, ensine-me
estratagemas para ficar
menos vezes triste e mais vezes zangada.”

Planeio esse dia,imagino o cenário.
Um bar ao fundo da rua
quando sair, após os conselhos,


sentar-me-ei ao balcão desse bar
que inventei.

Virão copos destilados.
Na companhia desses copos
magicarei armas.





“Le genie de l'espece“ (1938), Wolfgang Paalen



edit: cerca de 5 min após tê-lo escrito e afixado, vou dar com este post, diacho!, pensei
nota esclarecedora (que quero esclarecer): os factos não são coincidentes, são as pessoas, somos nós, fazemos-me exclamar "que diacho de coisa tão estranhamente"

3 comentários:

menina alice disse...

Pelo menos menos vezes triste e mais vezes zangada. :) Essa menina Ana de Amsterdão é um caso sério, é.

menina limão disse...

belo post.

coincidências na ordem do dia. as coincidências alegram-me, felizmente quase sempre.

margarete disse...

* beijinhos às duas meninas *