sandra aka margarete ~ acknowledgeyourself@gmail.com

Esquiços articulatórios



# Faço sempre o mesmo erro. Ou, vendo as coisas por outra perspectiva, não há (não encontrei) outra forma de fazer as coisas e tenho de me sujeitar às consequências da “dinâmica da coisa”.
Ou, faço sempre o mesmo erro voluntária
e inconscientemente.

# É chegada a altura do ano em que o meu corpo fraco é mais forte do que eu. Entendo
a engenharia das articulações a cada movimento. Nas dores, involuntária e consciente.

# Já tenho a mala aberta no quarto vazio. Inaugurei o ritual colocando uma toalha de praia e um caderno de desenho lá dentro. Vou, preciso de ir, voluntária e consciente.

# Sobre as pronunciações involuntárias
inconscientes deixo os dias de lado.




* label "quotidianos proletários" surripiada à menina-alice

2 comentários:

menina limão disse...

o meu corpo fraco hoje venceu-me.

margarete disse...

:*