sandra aka margarete ~ acknowledgeyourself@gmail.com

(os espelhos donde as almas partiram)

entre a saliva e os sonhos há sempre
uma ferida de que não conseguimos
regressar

e uma noite a vida
começa a doer muito
e os espelhos donde as almas partiram
agarram-nos pelos ombros e murmuram
como são terríveis os olhos do amor
quando acordam vazios

Alice Vieira


(resultado de mais um assalto à lebre)

1 comentário:

alex disse...

ouch.

(mais uma flecha certeira)